Twitter Facebook YouTube Flickr

CUT CE > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > CUT-CE REPUDIA CENSURA NO RIO GRANDE DO SUL

CUT-CE REPUDIA CENSURA NO RIO GRANDE DO SUL

05/03/2017

Leia NOTA DE REPÚDIO da CUT-CE em referência à censura imposta à Central no Rio Grande do Sul, que teve todos os seus jornais sobre a Reforma da Previdência apreendidos, sob força de liminar

Escrito por: Direção Executiva da CUT-CE

Reprodução da capa do jornal censurado pela Justiça gaúcha

 

NOTA DE REPÚDIO

A Central Única dos Trabalhadores no Ceará (CUT-CE) vem a público repudiar, de forma veemente, a apreensão descabida dos exemplares de um jornal publicado pela CUT-RS sobre a reforma da Previdência proposta pelo governo. A atitude nada mais é que uma forma de censura que ocorre por conta da força da campanha em todos os estados do país. A apreensão atendeu pedido de liminar em ação movida pelo deputado Heitor Schuch (PSB/RS), membro da Comissão Especial da Reforma da Previdência (PEC 287/16). Para nós que fazemos a Central no Ceará, é fundamental a união aos companheiros e companheiras do Rio Grande do Sul na luta pelo exercício da liberdade de expressão e do direito à comunicação.

 

Os oficiais de justiça cumpriram o mandado na última quinta-feira (2/3), na sede da Central em Porto Alegre. A publicação, com tiragem de 100 mil exemplares, no entanto, já havia sido totalmente distribuída. Sob força de liminar, ela foi retirada do site da CUT-RS e não poderá voltar a ser distribuída de nenhuma forma até que a liminar concedida prevaleça.

 

O jornal, com quatro páginas, traz orientações aos trabalhadores e apresenta perguntas e respostas sobre os principais retrocessos da Reforma da Previdência. Ele também traz as fotos dos deputados e senadores que apoiam o governo Temer no Congresso, como forma – legítima – de pressão sobre as bancadas estaduais. A exemplo do que já vem sendo feito em outros estados, incluindo o Ceará, que avança no diálogo e convencimento da sociedade e pressão nos parlamentares e orienta a população a pressionar a bancada cearense a votar contra uma reforma extremamente injusta e prejudicial a todos e todas.

 

A grave crise econômica existente no país deve ser enfrentada, mas, sob hipótese alguma, com a retirada de direitos ou qualquer penalização à classe trabalhadora. Em âmbito nacional, a Central Única dos Trabalhadores reforça e enfatiza em campanha que já está a todo vapor, inclusive no Ceará: “Com essa Reforma da Previdência, você tem duas opções: trabalhar até morrer ou morrer trabalhando”.

 

Veja AQUI o jornal censurado.

 

REAJA AGORA OU MORRA TRABALHANDO!

 

NENHUM DIREITO A MENOS!

 

Fortaleza, 5 de fevereiro de 2017

Direção Executiva da Central Única dos Trabalhadores no Ceará.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista

#AnulaReforma

RÁDIO CUT

CUT CEARÁ
Rua Solón Pinheiro, 915 | Bairro José Bonifácio | CEP 60050-041 | Fortaleza | Ceará
Fone: (085) 3464-7377 | www.cutceara.org.br | e-mail: cutceara@cutceara.org.br